.

Você está em: Home > Blog > LGPD na prática: com o que sua empresa deve se preocupar?

LGPD na prática: com o que sua empresa deve se preocupar?

Publicado em: 22 de março de 2021


 

LGPD na prática

A LPDG na prática (Lei Geral de Proteção de Dados) já está valendo e não há mais desculpas para não estar de acordo com a lei.  

Conforme estudos recentes, o Brasil é o país com mais riscos de sofrer ataques  cibernéticos, e eles cresceram gradativamente nos últimos 5 anos. Por essa razão, foram tomadas medidas rígidas, porém necessárias. 

A LGPD na prática entrou em vigor em setembro de 2020, regulamentando diretrizes muito rígidas e multa de R$ 50 milhões para empresas que não estejam enquadradas. Ainda não foi definido pela ANPD (Agência Nacional de Proteção de Dados) como vão ser feitas as  fiscalizações, porém as discussões das medidas estão correndo a todo vapor, e é aconselhado  para as empresas que entrem na lei, ou sofrerão com as penalidades. 

O que posso fazer para enquadrar minha empresa com a LGPD na prática? 

Os especialistas recomendam redesenhar a gestão organizacional para inserir a LGPD na prática em sua empresa. Para isso, enfatizam os seguintes pontos:

1. Nomear um encarregado de proteção de dados; 

2. Revisar as políticas de segurança e a realizar a auditoria completa dos dados;

3. Elaborar mapas de temporalidade ou ciclo de vida dos dados; 

4. Reelaborar os contratos com fornecedores e parceiros e elaborar o relatório de impacto de privacidade. 

Recomendações da LGPD na prática, para evitar um ataque cibernético

1. Não colocar e-mails da empresa em sites não seguros; 

2. Evitar entrar em sites não seguros.  

3. Verificar e-mails em SPAM, recusar sempre que possível. 

4. Salvar os documentos dos clientes somente em nuvem. 

5. Verificar quais são os dados que os seus colaboradores utilizam e qual a finalidade. 6. Mapear todas as informações que estão sob sua responsabilidade, ficar atento com  quem tem acesso a elas. 

Que tal começar a aplicar a LGPD na prática em sua empresa? Afinal, você não tem R$ 50 milhões sobrando, né? Para saber mais, fale conosco clicando aqui.

About Post Author

POSTS RELACIONADOS

Parcelamento de Dívidas para Micro e Pequenas Empresas

O Governo Estadual de SP lançou um programa para o parcelamento de dívidas, buscando auxiliar principalmente o pequeno e micro empresário. Em decorrência da pandemia do coronavirus, muitas empresas tiveram suas finanças afetadas, adquirindo dívidas que podem comprometer sua permanência no mercado. Pensando nisso, o programa de parcelamento de dívidas auxilia na liquidação e parcelamento […]

Leia o post completo

Como funciona o Planejamento Tributário para Simples Nacional na Nobre Contabilidade

Olá pessoal, hoje quero falar um pouco sobre planejamento tributário, área importante dentro de um escritório de contabilidade no departamento financeiro das empresas. Infelizmente muitos contadores acabam deixando de lado essa análise enquanto lidam com as questões contábeis de seus clientes, fazendo-os pagar grandes cargas tributárias desnecessárias. Um levantamento feito pela Organização para a Cooperação […]

Leia o post completo

Periculosidade e Insalubridade: Entenda mais sobre o assunto!

Já ouviu falar de periculosidade e insalubridade? Saberia diferenciar ambas? Se sua resposta foi não, te ajudarei nessa questão. Primeiramente esses dois conceitos são adicionais que todo trabalhador que trabalhe com riscos a saúde, tem direito por lei, em ter esse adicional ao seu salário. O que é Insalubridade? A insalubridade é quando o trabalhador […]

Leia o post completo