.
E-mail(11) 4565-6318

Você está em: Home > Blog > O eSocial afeta sua empresa? Veja tudo o que você precisa saber

O eSocial afeta sua empresa? Veja tudo o que você precisa saber

Publicado em: 01 de outubro de 2019


 

esocial oque e com funciona manual e social nobre contabilidade em osasco carapicuiba e regiao


Entenda o que é, como funciona, quais serão as obrigações da sua empresa e penalidades do eSocial em caso de não cumprimento

O que é o eSocial

O e-social foi um projeto lançado pelo governo com o intuito de integrar os dados das empresas com relação às obrigações trabalhistas. Trata-se de um tipo de sistema de escrituração digital fiscal, previdenciárias e trabalhistas, como, por exemplo, INSS, FGTS dentre outros. Os órgãos e entidades envolvidas com e-social são RTB-Secretaria da Receita Federal, Caixa Econômica Federal, INSS — Instituto Nacional de Segurados social e MTE-Ministério do Trabalho e Emprego.

Prevendo que este novo sistema, trará benefícios e facilidades ao empregador, e garantirá a segurança dos dados e também proverá informações específicas com relação à movimentação dos trabalhadores.

Quem Deve Aderir o eSocial?

Sua implementação começou em 2018 e agora em 2019 entramos em uma fase na qual a maioria das empresas já tem obrigações relativas a ele, ou seja, todas as empresas e pessoas físicas deverá adquirir o sistema e-social, contudo, desde que a contratação tenha fins fiscais, previdenciários e tributários.

Quais as obrigações o sistema substituirá ?

O e-social substituirá uma variedade de formulários e declarações que antes eram entregues separadamente e de maneiras diferentes. O e-social unificará 15 obrigações que deverão ser entregues ao governo, sendo elas:

  1. GFIP: Guia de Recolhimento do FGTS e de informações à Previdência Social;
  2. CAGED: Cadastro Geral de Empregados e Desempregados para controlar as admissões e demissões sob o regime CLT;
  3. RAIS: Relação Anual de Informações Sociais;
  4. LRE: Livro de Registro de Empregadores;
  5. CAT: Comunicação de Acidente de Trabalho;
  6. CD: Comunicação de Dispensa;
  7. PPP: Perfil Profissiográfico Previdenciário;
  8. DIRF: Declaração do Imposto de Renda Retido na Fonte;
  9. MANAD: Manual Normativo de Arquivos Digitais;
  10. GRF E GRRF: Guia de Recolhimento do FGTS e Guia de Recolhimento Rescisório FGTS;
  11. GPS: Guia de Previdência Social;
  12. CTPS: Carteira de Trabalho e Previdência Social;
  13. DCTF: Declaração de Débitos e Créditos Federais;
  14. QHT: Quadro de Horário de Trabalho;
  15. Folha de Pagamento.

Como funciona o e-social?

As empresas precisam possuir certificado digital (acesso empregador) para transmitir eletronicamente as documentações referente a empresa para realizar o envio ao e-social. Apenas as empresas MEIS, empregadores domésticos, segurados especiais e Micro Empresa (ME) e de pequeno porte (EPP) optantes pelo Simples Nacional e com até um empregado, não precisarão utilizar o certificado digital.

Existem três tipos de eventos, sendo eles:
Eventos iniciais: que deverão ser enviados apenas uma vez;
Eventos periódicos: são os eventos que possuem prazos para envio;
Eventos não periódicos: são eventos que não tem prazo pré definido dependendo da declaração.

Cronograma do eSocial

1º grupo – Empresas com faturamento acima de R$ 78.000.000,00 no ano de 2016:

2º grupo – Empresas com faturamento de até R$ 78.000.000,00 em 2016 e não optantes do Simples Nacional

3º grupo – Empregadores optantes do Simples Nacional, empregadores pessoa física (exceto doméstico), produtor rural PF e entidades sem fins lucrativos:

4º grupo – Entes Públicos e Organizações Internacionais:

Penalidades do e-social

O não cumprimento dos prazos e envio ao e-social pode ocasionar multas e penalidades, seguindo o mesmo padrão de antes da implantação, ou seja, acarretando prejuízo financeiro imediato.

eSocial Manual Oficial em PDF

Caso você queira ler o Manual do e-social para verificar outras explicações e orientações, você pode acessar o portal e-social ou o PDF do manual nos links abaixo. Caso ainda tenha alguma dúvida, você pode falar comigo escrevendo através da página de contato.

Site Oficial com orientações para o E-social >> Clique aqui
Manual do eSocial em PDF >> Clique aqui

POSTS RELACIONADOS

PARCELAMENTO DE FGTS

A Nobre Contabilidade informa! CAIXA ECONÔMICA FEDERAL libera Beneficio para empregadores poder Parcelar os débitos relativos a seus funcionários de FGTS segue abaixo orientações. O que é o Parcelamento de Débitos O parcelamento é a alternativa dada aos empregadores em débito com as contribuições estabelecidas na Lei nº 8.036/90 e na LC nº 110/2001 para regularizarem […]

Leia o post completo

Como funciona o Planejamento Tributário para Simples Nacional na Nobre Contabilidade

Olá pessoal, hoje quero falar um pouco sobre planejamento tributário, área importante dentro de um escritório de contabilidade no departamento financeiro das empresas. Infelizmente muitos contadores acabam deixando de lado essa análise enquanto lidam com as questões contábeis de seus clientes, fazendo-os pagar grandes cargas tributárias desnecessárias. Um levantamento feito pela Organização para a Cooperação […]

Leia o post completo

Periculosidade e Insalubridade: Entenda mais sobre o assunto!

Já ouviu falar de periculosidade e insalubridade? Saberia diferenciar ambas? Se sua resposta foi não, te ajudarei nessa questão. Primeiramente esses dois conceitos são adicionais que todo trabalhador que trabalhe com riscos a saúde, tem direito por lei, em ter esse adicional ao seu salário. O que é Insalubridade? A insalubridade é quando o trabalhador […]

Leia o post completo